Aeroporto de Congonhas: Serviço de urgência e emergência também é Med Mais

A líder no segmento de emergência médica em aeroportos no Brasil agora também gerencia Congonhas, o segundo aeroporto mais movimentado do País.

Agora o grupo acaba fechar o contrato de gerenciamento do Serviço de Emergência e Remoção de Vítimas (SME), fornecendo gestão na remoção de passageiros e tripulantes, atuando diretamente no salvamento de vidas no terminal em que circulam cerca de 1,5 milhão de pessoas por ano.

O presidente do Grupo Med Mais, Victor Reis, comemorou a nova parceria e destacou o avanço do propósito principal da multinacional.

“Como uma empresa líder em emergências aeroportuárias na América Latina, estar prestando esse serviço de emergência no Aeroporto de Congonhas é uma grande honra. É uma sensação de dever cumprido e de missão a ser engajada com propósito que é o de salvar vidas, tanto nas capitais brasileiras como em todo o mundo”, disse.

Modernidade e tecnologia foram outros pontos de destaque para a nova contratação. “Disponibilizar o que há de mais moderno para o setor, proporcionar as condições técnicas e garantir o melhor atendimento na área pré-hospitalar”, são fatores apontados pela Diretora de Operações e Contratos do Grupo Med Mais, Marinele Santana Dias.

Hoje a líder no segmento de emergência médica em aeroportos, a Med Mais espera trazer para o Aeroporto de Confins toda a experiência acumulada nos 13 anos do grupo.

A gestão da Med Mais já atua em 17 em aeroportos brasileiros, entre eles Brasília (DF), Viracopos (SP), Maceió (AL), Natal (RN), Santos Dumont (RJ), Galeão (RJ), Belém (PA), Navegantes (SC), Florianópolis (SC) e Confins (BH).

Serviços

Os aeroportos brasileiros possuem um Serviço Médico de Emergência e Remoção de Vítimas (SME) e são responsáveis pela remoção e cuidados de vítimas decorrentes de emergências aeroportuárias, sejam elas associadas a acidentes e incidentes aeronáuticos que ocorram nas dependências do Aeroporto. 


Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *